Por que sou cristão?

Tentando esclarecer o que seja o cristianismo quero fazer algumas perguntas aos cristãos (os não-cristãos podem pular as perguntas):

  1. Caso você descobrisse que Jesus na verdade era um negro de cabelo enrolado; isso mudaria sua fé?
  2. Caso você descobrisse que Jesus nunca transformou água em vinho, ou fez qualquer dos outros milagres citados na bíblia; isso mudaria a sua fé?
  3. Caso você descobrisse que Jesus se casou com Maria Madalena, ou qualquer outra mulher; isso mudaria sua fé?
  4. Caso você descobrisse que Jesus na verdade não chegou a morrer na crucificação, e portanto não ressuscitou; isso mudaria a sua fé?
  5. Caso você descobrisse que a mãe de Jesus não morreu virgem, e nem mesmo era virgem quando ele nasceu; isso mudaria a sua fé?
  6. E agora a mais pesada de todas: Caso você descobrisse que Jesus nunca existiu em carne e osso, mas que era apenas um personagem fictício; isso mudaria a sua fé?

Se você respondeu afirmativamente a qualquer das perguntas que fiz, sinto informá-lo mas você não é cristão, é só alguém que acredita em uma certa história, (ou estória, confesso que não sei).

Tudo bem, já imagino que você está me xingando e perguntando “Se ser cristão não é exatamente acreditar nessa história, então o que esse biruta vai querer me convencer que significa ser cristão?” Se você parar de me xingar por um instante eu respondo.

Ser cristão significa acreditar que o único caminho para salvação (não só da alma individual, mas da própria espécie humana) e o amor a todos os seres humanos, independentemente de crença, raça, sexo, nacionalidade, idade, ou qualquer outro tipo de classificação que já tenha existido, exista, ou venha a existir. O resto, e nesse resto se inclui inclusive a existência ou não desse Jesus que a bíblia descreve, é apenas curiosidade histórica que nada tem a ver com o ensinamento que constitui a verdadeira religião.

Acho que agora poderão entender por que eu sou e continuarei a ser cristão independente do que eu acredite ou não como fato histórico e científico. Religião não tem nada a ver com história!

Anúncios

Sobre birutaibm

Estudo ocultismo desde os 14 anos de idade, fui iniciado DeMolay aos 17, estou me preparando para entrar para FRA (uma fraternidade rosacruz). Sou graduado em Informática Biomédica, mestre em Física Aplicada a Medicina e Biologia (mais computação que física mesmo), doutorando na mesma área. Meu perfil no Modelo de Myers-Briggs é INTJ (fiz dois testes diferentes e o resultado foi esse em ambos). Enfim ainda não sei muito sobre mim.
Esse post foi publicado em ocultismo. Bookmark o link permanente.

8 respostas para Por que sou cristão?

  1. Pingback: Algo Ama | Idéia Biruta

  2. raph disse:

    Este é um belo post 🙂

  3. joanne costa disse:

    Eu também achei um belo post, mas me deixou com umas pulgas atras da orelha.. sobre a salvação Depois de ler seus posts sobre Algo, penso como seria, se existiria mesmo e o que significaria em todo esse contexto..

  4. birutaibm disse:

    Interessante que eu tenha te deixado com dúvida, meu objetivo é justamente criar as dúvidas para que os leitores possam pensar sobre elas, não é divulgar verdades absolutas, pois não as tenho.
    O ponto principal desta parte de salvação é que independente de você acreditar em uma alma ou qualquer outra coisa imaterial, você pode pensar na questão da salvação como a salvação da humanidade, da espécie. Me parece óbvio que se todos amassem os outros humanos como a si mesmos não haveriam mais crimes, guerras, etc. Se todos amassem os animais e plantas como a si mesmos não haveria destruição da natureza. Parece utópico, mas ainda assim plausível. Se no final vier céu, paraíso, ou qualquer outra coisa boa após a morte, é só um extra.
    Quanto ao que chamei de Algo, seria a fonte de tudo o que existe, é uma ideia mais abstrata. A ligação entre as duas coisas é que essa ideia de que tudo veio de uma fonte única, destrói a ideia de que somos criaturas individuais, somos todos parte de Algo maior, daí não faz sentido amar mais a uma parte (você mesmo) do que as demais (outras pessoas, seres vivos, universo…). Além disso na série Algo, tento falar como imagino essa separação, desde um todo maior até a nossa ilusão de individualidade, e inserir no meio disso um pouco do que estudo no ocultismo.
    Obrigado pela visita, e espero não ter acabado com suas dúvidas.

    • joanne costa disse:

      Não mesmo, só aumentou. Eu gostei muito da serie Algo, pois com ela você conseguiu exprimir de uma forma concisa e bem completa uma coisa que de maneira alguma eu não conseguia organizar de forma a expressar para alguém, alem de ter abertos varias outras janelas que eu não percebi. Ainda sobre a serie Algo, vai ter continuação?=D

      • birutaibm disse:

        Vou fazer mais dois posts nela, no ultimo fiquei devendo um ingrediente para a magia que vou colocar no próximo, depois faço mais um para fechar a série. Vou tentar fazer um nessa semana, mas estou meio ocupado com outras coisas, então talvez fique para a semana que vem.

  5. Pingback: Penitência | Idéia Biruta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s